Home Office – Informações Importantes

Home Office – Informações Importantes

4 de dezembro de 2020 0 Por Jornalista

O trabalho remoto estabeleceu-se e já é realidade no País, “É irreversível”, dizem. De fato, a Pesquisa Gestão de Pessoas na Crise Covid-19 revela que a experiência com o home office superou o estimado ou ficou dentro do esperado para 94% das 139 empresas ouvidas pela Fundação Instituto de Administração (FIA).

Home-Office

Em abril, 52% dos funcionários das pequenas do setor de comércio e serviços passaram para o home office e 63% deverão permanecer parte dos funcionários nesse regime, mesmo depois da pandemia acabar.

O que é home office?

O home office ou escritório em casa — também chamado de teletrabalho, trabalho remoto ou trabalho à distância é uma tendência mundial que a cada ano ganha mais popularidade.

Na teoria, trata-se de que o colaborador consiga trabalhar de qualquer lugar, desde que tenha acesso a um smartfone ou um computador com conexão à internet. Uma pesquisa da Sociedade Brasileira de Tele trabalho e Tele atividades revela que 45% das empresas participantes têm funcionários que trabalham em casa. Outros 15% estão avaliando a implantação dessa nova categoria.

Ganhando mais adeptos, com aceitação das empresas que encontram na adaptação de home office a possibilidade de reduzir o estresse das equipes e aumentar a produtividade dos colaboradores, além de reduzir gastos diversos. De acordo com a Evolking Workforce, 54% dos brasileiros creem ser mais produtivos trabalhando no próprio domicílio.

Um exemplo são os números divulgados pelo Itaú, maior banco privado do Brasil. Que são cinco mil funcionários fazendo home office até duas vezes por semana. A modalidade alcançou nota 89 na pesquisa de satisfação e 90% de aprovação dos gestores em relação ao desempenho das equipes que trabalham dessa forma.

Veja notícias como esta também no Site Webcitizen

Transparência do Legislativo em home office

Com esse avanço na área de trabalho, é natural que apareçam novos problemas e é crucial o surgimento de novas leis que acompanham essa transformação.

COMO PESQUISAR PROJETOS DE LEI E OUTRAS PROPOSIÇÕES

Na página de pesquisa de proposições, estão disponíveis três modos de pesquisa:

  • I. Pesquisa pelo número da Proposição para pesquisar pelo número e ano
  • II. Pesquisa por assunto para pesquisar por palavra(s)-chave(s)
  • III. Pesquisa Completa para pesquisar usando os filtros:

a) Tipo: permite selecionar um tipo de proposição;

b) Número e Ano: pesquisa pelo número e ano da proposição ou limita a busca a um ano específico;

c) Autor: pesquisa por nome de deputado;

d) Órgão de Origem: permite especificar o local de apresentação da proposição (Plenário ou Comissões);

e) Encontra-se no Órgão: indica em que órgão legislativo a proposição está tramitando;

f) Situação: determina o estágio de andamento da proposição (Ex.: ‘Aguardando parecer’);

g) Data de apresentação: pesquisa por data de apresentação da proposição, possibilitando a busca em um período de tempo;

h) Assunto da Proposição: pesquisa por palavra(s)-chave(s) ou expressão.

Em todos os modos de pesquisa, clique em Pesquisar, para começar a busca. Se a busca gerar uma lista com diversas proposições, clique no número da proposição a ser consultada para poder ver a sua posição e outras informações relativas.

Observação:

Se a pesquisa localizar somente uma proposição, será aberta diretamente uma página com as informações dessa proposição.

Avulso e Redação final:

Para obter esses documentos na íntegra, clique, respectivamente, nos links Avulsos e Redação Final, ambos localizados na página da proposição, na área Documentos Anexos e Referenciados.

Acompanhamento por e-mail:

O serviço Acompanhamento Automático de Proposições por E-mail está disponível para todos os usuários e é preciso cadastrar-se no Portal da Câmara. Para acessar esse serviço, na página da proposição consultada, clique no link ‘Cadastrar para acompanhamento’, disponível no alto da tela.